O goleiro Lucas França aguardou por 17 partidas para ter uma nova chance de iniciar jogando novamente uma partida pelo Cruzeiro. Com Fábio expulso na estreia da Raposa no Campeonato Brasileiro da Série B, a oportunidade surgiu no duelo com o CRB, no último domingo (6), no Mineirão.

Entretanto, a atuação do arqueiro - que estreava no Gigante da Pampulha - no revés do time celeste por 4 a 3 parece não ter agradado ao técnico Felipe Conceição.

Prova disso é que Lucas França sequer foi relacionado para jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, contra a Juazeirense-BA, nesta quarta, às 19h15, no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro. O escolhido para a suplência de Fábio foi o jovem Vitor Eudes, também formado nas categorias de base do clube.

Essa será apenas a segunda partida em que França ficará de fora até do banco de reservas nesta temporada. De acordo com a assessoria de comunicação da Raposa, França não tem qualquer problema médico.

Até então, nos 18 jogos do Cruzeiro sob o comando de Conceição, o goleiro de 25 anos havia sido ausência entre os relacionados somente na vitória por 1 a 0 sobre o Athletic, pela 4ª rodada do Campeonato Mineiro, em 14 de março, no Mineirão.

Duelo com o CRB

Lucas França teve a atuação contra o CRB contestada por parte dos torcedores, especialmente pelo primeiro gol do time alagoano. Logo aos 4 minutos de jogo, Diego Torres cobrou escanteio fechado, a bola cruzou toda a extensão do gol, dentro da pequena área, e Marthã completou de cabeça para as redes na segunda trave.

O segundo gol do Galo da Pajuçara contou com uma infelicidade da Raposa. Diego Torres cobrou falta, a bola desviou na barreira no meio do caminho e tirou Lucas França da jogada.

A terceira bola na rede do time visitante saiu de uma falha do zagueiro Ramon, batido em disputa de bola por Hyuri, que invadiu a área e bateu cruzado, vencendo Lucas França, que ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar que ela estufasse as redes.

Já no fim da partida, após o time celeste conseguir buscar o empate em 3 a 3, Lucas nada pôde fazer, após Jean Patrick acertar um belo chute, no ângulo esquerdo da meta defendida pelo camisa 12.

O confronto com o CRB foi o oitavo de Lucas França pela equipe celeste, em mais de 10 anos de clube, sendo apenas o segundo nesta temporada.

Alçado ao time principal em 2016, França sofreu 13 gols com camisa estrelada.

Leia mais

Cruzeiro relaciona 'dois times' para confronto que vale vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil