O Cruzeiro é réu em mais uma ação trabalhista. Jogador da Raposa entre 2016 e 2019, o meia-atacante Rafinha acionou o clube estrelado, na última quarta-feira (6), cobrando R$716.697,00.

A quantia versa sobre verbas trabalhistas, FGTS, multas referentes à rescisão do vínculo e a outras remunerações que o jogador teria direito enquanto defendeu o time celeste.

A informação sobre a ação proposta pelo atleta foi divulgada inicialmente pela rádio Itatiaia e confirmada pelo Hoje em Dia.

Segundo o ge.globo, a defesa de Rafinha pediu a penhora imediata do valor pleiteado, alegando que a grande dívida da Raposa, orçada em mais de R$800 milhões, pode colocar em risco o pagamento dos direitos que o jogador reclama na Justiça.

Atualmente no Coritiba, Rafinha disputou 143 jogos e marcou 14 gols pela Raposa. Com a camisa estrelada, o meia-atacante conquistou por duas vezes a Copa do Brasil (2017 e 2018) e o Campeonato Mineiro (2018 e 2019).

Procurado pela reportagem para comentar a situação, o Cruzeiro, por meio de sua assessoria de comunicação, afirmou que o Departamento Jurídico do clube tem monitorado todas as ações, inclusive esta, e tomará as medidas necessárias no momento oportuno.