Uma vitória sobre o Patrocinense, no próximo domingo (25), às 16h, no Mineirão, garante ao Cruzeiro presença nas semifinais do Campeonato Mineiro de 2021, depois de o clube ficar de fora da reta final da briga pela taça na última temporada. Se conquistar os três pontos, o time de Felipe Conceição estará alcançando a mesma campanha celeste na edição 2020, quando Adilson Batista foi o treinador em nove rodadas, e Enderson Moreira nas duas últimas.

Com 17 pontos, a Raposa pode chegar no máximo aos 20, fruto de seis vitórias, dois empates e três derrotas. Esses foram os números em 2020, mas com diferenças significativas quando se recorre aos gols marcados e sofridos.

Cruzeiro Pouso Alegre Mineiro 2021Derrota para o Pouso Alegre, no último domingo, não custou ao Cruzeiro vaga no G-4, mas deixa o time podendo, no máximo, igualar a campanha do Campeonato Mineiro de 2020, quando não foi às semifinais

Em 2020, foram 16 os gols cruzeirenses, contra oito até agora. Em compensação, a equipe foi vazada dez vezes, e agora em 2021 apenas quatro.

O saldo, que é o mais importante, por ser o segundo critério de desempate, vindo após o número de vitórias, foi de seis no ano passado e agora está em quatro.

No Módulo I do Campeonato Mineiro de 2020, ele foi decisivo para o Cruzeiro ficar de fora das semifinais. A Raposa fez a mesma campanha da Caldense, mas a Veterana se classificou por ter nove gols de saldo.

Na última rodada, os dois times se enfrentaram no Estádio Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas, e a vitória cruzeirense por 1 a 0 foi insuficiente para o time alcançar a classificação, pois os celestes precisavam de uma diferença de três gols para se classificarem.

Agora, o time de Felipe Conceição chega à 11ª rodada necessitando apenas de vencer o Patrocinense, que não briga por mais nada neste Estadual, para ser semifinalista.