O Campeonato Mineiro de 2011 teve a Arena do Jacaré como casa dos times de Belo Horizonte, pois Mineirão e Independência estavam em reforma para as Copas das Confederações (2013) e do Mundo (2014). Assim, os clássicos entre Cruzeiro e Atlético eram com torcida única e no confronto de 12 de fevereiro de 2011, pela fase classificatória do Estadual, só teve cruzeirenses no estádio de Sete Lagoas.

Wellington paulista chegou a abrir o placar, logo aos 19 minutos, mas aquela tarde era de Diego Tardelli, que empatou aos 25, cobrando pênalti, e virou aos 27.

Na etapa final, Henrique decretou nova igualdade, mas Tardelli colocou novamente o Galo na frente, para depois Neto Berola fazer 4 a 2. Gil ainda diminuiu, aos 40 minutos, e a emoção tomou conta do clássico até o apito final.

E o personagem do confronto foi Diego Tardelli, que entrou para a lista de quem fez um hat-trick no clássico.

A FICHA DO JOGO

CRUZEIRO 3
Fábio; Pablo, Léo (Edcarlos), Gil e Diego Renan (Wallyson); Leandro Guerreiro, Henrique, Gilberto (Roger) e Montillo; Thiago Ribeiro e Wellington Paulista. Técnico: Cuca

ATLÉTICO 4
Renan Ribeiro; Jackson, Leonardo Silva, Werley e Leandro; Zé Luis, Serginho Borges, Renan Oliveira (Wesley) e Ricardinho (Diego Souza); Diego Tardelli e Magno Alves (Neto Berola). Técnico: Dorival Júnior

DATA: 12 de fevereiro de 2011
LOCAL: Arena do Jacaré (Sete Lagoas)
MOTIVO: Campeonato Mineiro
GOLS: Wellington Paulista, aos 19, e Diego Tardelli, aos 25 e 27 minutos do primeiro tempo; Henrique, aos 4, Diego Tardelli, aos 5, Neto Berola, aos 26, e Gil, aos 40 minutos do segundo tempo
ARBITRAGEM: Cleisson Veloso, auxiliado por Márcio Eustáquio Santiago e Helbert Costa Andrade
CARTÃO VERMELHO: Diego Tardelli (Atlético)
CARTÃO AMARELO: Fábio, Léo, Gil, Pablo, Henrique e Wallington Paulista (Cruzeiro); Leonardo Silva, Leandro e Serginho Borges (Atlético)
PÚBLICO: 9.793
RENDA: R$ 267.256,88