A contratação de Allan pode reascender uma chama na Cidade do Galo. Do momento em que Pierre desembarcou em Belo Horizonte para ajudar a salvar o Atlético do rebaixamento em 2011 até a temporada 2015, o torcedor alvinegro se acostumou a ver em campo volantes de muita qualidade técnica e/ou donos de garra exacerbada. Considerando isso, entram no “big four” da posição, nesta década, o pitbull (170 jogos pela agremiação), Leandro Donizete (231), Josué (111)e Rafael Carioca (172), todos eles campeões da Copa do Brasil de 2014 e que seguraram a onda em vários episódios decisivos durante a “Era de Ouro” do clube.

Depois disso, o meio de campo preto e branco passou por um período de oscilações, decepções e frustrações. De 2016 para cá, o setor não reproduziu o nível de outrora. E olha que Carioca e Donizete permaneceram por algum tempo, mas nem eles foram capazes de “domar” o miolo do time.

Atletas como Júnior Urso e Elias chegaram como soluções. O primeiro até vivenciou bons momentos, mas numa passagem meteórica, atuando por um ano apenas (foram 48 partidas em 2016), enquanto o outro teve um desempenho irregular ao longo de 164 duelos disputados entre 2017 e 2019, o que rendeu um misto de aplausos e vaias da Massa.

Além desses, o Galo teve em seu elenco, desde 2016, volantes de ofício como Lucas Cândido, Adilson, Yago, Roger Bernardo, Matheus Galdezani, Zé Welison, Gustavo Blanco, Martínez e Jair. Esses quatro últimos permanecem na equipe, a priori, já que dependem da aprovação do novo técnico, Rafael Dudamel.

Atlético

Allan

Emprestado pelo Liverpool, da Inglaterra, ao Fluminense em 2019, Allan, de 22 anos, teve excelente temporada e, em função do bom futebol apresentado, acabou convocado para a Seleção Brasileira e despertando também o interesse de outros gigantes do país, como Grêmio, São Paulo e o próprio time das Laranjeiras, que buscava a renovação.

A informação, passada pela Rádio Itatiaia, é de que Allan desembarca nesta terça-feira em Belo Horizonte para assinar o vínculo com o Atlético. O contrato com o clube inglês se encerraria no meio deste ano.

Apesar do acerto, o Atlético, até o fechamento desta matéria, ainda não havia se pronunciado sobre a nova aquisição.