Maior nome da vela do Brasil, Robert Scheidt venceu a única regata disputada nesta terça-feira pelo Campeonato Brasileiro de Laser. Com o resultado, o veterano 42 anos retomou a liderança da competição, ao lado de Bruno Fontes. Os dois dividem a primeira colocação com seis pontos perdidos após cinco regatas disputadas e um descarte.

O tempo ruim e a ausência de ventos próprios para a disputa impediram a realização de uma das regatas previstas para esta terça-feira na Baia de Guanabara. Na outra, porém, Scheidt mostrou toda sua qualidade em mais um teste para os Jogos do Rio, nos quais buscará sua sexta medalha olímpica.

"O tempo não estava muito bom, por isso só conseguimos realizar uma regata. Entrou um vento nordeste, incomum para essa época do ano na Baía de Guanabara, o que complicou um pouco. Mas consegui velejar bem e retomei a liderança da competição", explicou Scheidt.

Além dos melhores nomes brasileiros na classe Laser, o Brasileiro conta com o britânico Nick Thompson, atual campeão mundial da classe, e o guatemalteco Juan Maegli, vencedor dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, em 2015. Outras cinco regatas deverão ser disputadas até quinta-feira.

"Amanhã (quarta-feira) será um dia decisivo, porque teremos três regatas. É importante continuar com uma boa média, já que muita coisa ainda pode acontecer. Com a entrada do segundo descarte, previsto para a nona regata, o Nick Thompson deve voltar à briga pela liderança", comentou o brasileiro.