Joseph Blatter e Michel Platini agora podem apelar à suspensão de oito anos aplicada recentemente pelo Comitê de Ética da Fifa aos dois dirigentes mais importantes do futebol mundial na atualidade. Os advogados deles receberam neste sábado os documentos com o veredicto do comitê.

"A câmara decisória do Comitê de Ética Independente cumpriu seu compromisso de fornecer os fundamentos para as respectivas decisões a Blatter e Platini dentro da primeira quinzena de janeiro de 2016, como havia sido previamente informado", disseram os juízes, neste sábado, em comunicado.

Os advogados de Blatter e Platini precisavam do documento recebido neste sábado para só então poderem apelar da punição que lhes foi imposta. Os dois dirigentes têm interesse em resolver a questão antes do dia 26 de fevereiro, para quando está marcada a eleição da Fifa.