O jejum de vitórias do Avaí no Campeonato Brasileiro continua. Neste domingo, o time comandado por Gilson Kleina visitou a Chapecoense e até criou mais chances de gol do que o adversário, mas não passou de um empate por 0 a 0.

Na verdade, a equipe visitante até balançou as redes. Aos 7 min do segundo tempo, o atacante Rômulo cabeceou para o fundo do gol, mas a arbitragem anotou falta dele em cima de Gil e invalidou o lance.

Sem vencer no Brasileiro agora há cinco rodadas, o Avaí chega a 34 pontos e segue em 16º lugar. Ainda está fora da zona de rebaixamento, mas pode voltar se o Goiás vencer o Cruzeiro. Já a Chapecoense tem 39 pontos.

Os dois times atuarão como mandantes na próxima rodada. A luta do Avaí para evitar o rebaixamento terá sequência no sábado (31), contra o Cruzeiro. Já a Chapecoense medirá forças com o Atlético-PR no domingo (1º). Antes, nesta quarta-feira (28), recebe o River Plate (ARG) em duelo por vaga na semifinal da Copa Sul-Americana.

CHAPECOENSE
Danilo; Apodi (Caramelo), Neto, Thiego e Dener; Gil, Bruno Silva, Maranhão, Camilo (Tiago Luis) e William Bárbio (Ananias); Túlio de Melo
T.: Guto Ferreira

AVAÍ
Vagner; Nino Paraíba, Antonio Carlos, Jubal e Romário; Renan, Eduardo Neto, Everton Silva (Anderson Lopes) e Camacho (Renan Oliveira); Romulo (Tinga) e André Lima
T.: Gilson Kleina

Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Cartões amarelos: Gil (C), Romulo e Romário (A)