O empate em 2 a 2 com o lanterna Joinville, na tarde deste domingo (27), teve sabor de derrota para o Atlético. E a decepção dos jogadores foi visível na saída do gramado.

“Não podíamos ter dado essa brecha. Não podíamos ter empatado nem a pau”, reclamou, ainda no campo, o volante Leandro Donizete.

Muito decepcionado, o atacante Luan sentou no campo após o apito final e lamentou bastante a chance que teve no último minuto, ao chutar cruzado e mandar a bola para fora. “Fiz o que o técnico Levir pede nos treinamentos, para bater cruzado. Mas a bola pegou outra direção", justificou.

"Perdermos muitas oportunidades para matar o jogo e precisávamos ter mais atenção para não levar os gols que tomamos”, concluiu o autor do primeiro gol alvinegro na partida.

O tom mais esperançoso veio de Thiago Ribeiro, que saiu do banco e marcou o segundo tento atleticano. “O atleticano acredita até o fim. Já revertermos situações dentro do jogo, por que não podemos fazer isso no campeonato?”, indagou.