A vitória diante do Grêmio no último sábado devolveu o Fluminense ao G4, mas para seguir no grupo de classificados à Copa Libertadores do próximo ano o time terá que se superar, já que jogará longe de sua torcida nas próximas duas rodadas. Mas, mesmo que a tabela exija duas partidas fora de casa, os jogadores do Flu falam em buscar duas vitórias.

"O ideal são os seis pontos. O importante é não perdermos muitos pontos. Se não conseguir os seis, que sejam pelo menos quatro", projetou o atacante Wellington Paulista nesta segunda-feira.

O adversário do próximo sábado será o Avaí, em Florianópolis. "Temos que nos impor lá na Ressacada, com inteligência. Vamos estudar durante a semana os pontos fortes do Avaí. Independente disso, temos que manter um bom nível de atuação e nos manter competitivos", avaliou o zagueiro Marlon.

Na avaliação de Wellington Paulista, o Fluminense precisa se manter na parte de cima da tabela - apesar de o próprio treinador, Enderson Moreira, destacar que o importante é o final do campeonato.

"Quando eu cheguei, o time estava no 'bolo' da tabela. O Enderson sempre fala para a gente que o importante é o final. Temos que continuar próximos do líder para que no final tudo dê certo", considerou.