Depois de uma estreia complicada nos Jogos Pan-Americanos, a seleção brasileira feminina de vôlei confirmou neste sábado (18) o favoritismo sobre o Peru por 3 sets a 1 - com parciais de 25/27, 25/5, 25/17 e 25/16 -, em Toronto. Mas a vitória veio de virada, já que o Brasil se perdeu em seus próprios erros no início no primeiro set. No restante do jogo, a equipe deslanchou e garantiu o segundo triunfo com bastante tranquilidade.

Em busca de entrosamento, o time começou o jogo com a mesma formação da estreia com Macris, Jaqueline, Fernanda Garay, Joycinha, Bárbara, Adenízia e a líbero Camila Brait em quadra. O primeiro set foi marcado por diversos erros da seleção brasileira, um número bem alto para os padrões do vôlei feminino. Melhor para o Peru, que fechou a parcial por 27 a 25.

Na sequência, a equipe feminina acordou. Em apenas 16 minutos, atropelou as peruanas por 25 a 5 e empatou a partida em 1 a 1. A terceira parcial não foi tão arrasadora quanto a anterior, mas as brasileiras também conseguiram se impor no jogo e passaram à frente com 25 a 17. A vitória veio no quarto set, quando o time do técnico José Roberto Guimarães cravou 25 a 16.

O Brasil fecha a fase preliminar contra os Estados Unidos na segunda-feira, às 22 horas (de Brasília). Neste domingo, às 14h30, a seleção masculina enfrenta Cuba em busca de sua segunda vitória nos Jogos Pan-Americanos. A Argentina será a rival do Brasil na última rodada.