Começou na última terça-feira a segunda edição da Copa Brasil de Vela, disputada na praia de São Francisco, em Niterói, até o próximo sábado. O evento conta com a presença de mais de 160 velejadores, de 23 países, incluindo campeões olímpicos e mundiais. E após um dia de competição, a família Scheidt já faz bonito. Robert lidera a classe Laser Standard, enquanto sua esposa, a lituana Gintare Scheidt, é a primeira colocada na Radial.

“Foram regatas bem difíceis, com vento de 6 a 7 nós. Nas primeiras duas favoreceu muito o lado direito e a largada foi um momento muito crítico da regata. Ficar entre os cinco primeiros nestas condições é sempre bom. Agora é torcer para aumentar um pouquinho mais o vento”, analisou Scheidt.

Na classe 470, que disputa também o Campeonato Brasileiro, duas duplas estrangeiras estão na ponta. Entre as mulheres, a primeira colocada é a dupla austríaca Lara Vladau e Jolanta Oger. As gaúchas Fernanda Oliveira e Ana Barbachan estão na cola, no segundo lugar.

No masculino, os norte-americanos Stuart McNay e Dave Hughes são os líderes. Os gaúchos Geison Mendes e Gustavo Thiensen são os brasileiros mais bem posicionados na competição, na sexta colocação, a apenas cinco pontos do terceiro.

Na classe Finn, o campeão mundial Giles Scott, da Inglaterra, é o líder. O Brasil ocupa o quinto lugar através de Jorge Zarif.

Vencedoras do prêmio Melhor Atleta feminino, do Comitê Olímpico Brasileiro, Martine Grael e Kahena Kunze estrearam na segunda colocação. As líderes são as holandesas Annemiek Bekkery e Annette Duelz.