Submetido a um exame de ressonância magnética na última quinta-feira, Robinho soube que a lesão sofrida no músculo posterior da coxa esquerda não é grave, mas o jogador deverá desfalcar o Santos no clássico contra o Corinthians, neste domingo, às 19h30, no Itaquerão, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com um edema na coxa, constatado neste último exame após o atacante ter se lesionado no jogo contra o Cruzeiro, na quarta-feira, pela Copa do Brasil, Robinho está sofrendo os efeitos do desgaste em meio ao exigente calendário do futebol brasileiro, depois de ter ficado da última pré-temporada do Milan, no qual estava encostado antes de ser emprestado ao clube da Vila Belmiro.

Tido como dúvida no clássico até esta sexta-feira, Robinho poderá dar lugar a Leandro Damião no ataque santista. O atacante deve ganhar uma nova chance do técnico Enderson Moreira, que também já não conta com os atacantes Geuvânio, outro lesionado, e Thiago Ribeiro. O último deles vinha ficando fora da equipe por causa de uma lesão muscular e depois acabou retardando o seu retorno em razão de um problema gastrointestinal. Devido a ele, o atleta perdeu cinco quilos e até agora só conseguiu recuperar dois deles, e assim segue sem condições ideais para atuar.

Como se não bastassem as baixas ofensivas, Enderson mais uma vez não terá o zagueiro David Braz, que está com uma hérnia cervical. Assim, Bruno Uvini voltará a ser escalado como titular. Já o lateral-esquerda Mena, que sofreu um corte no supercílio, correu no treino desta sexta e deve ser confirmado contra o Corinthians.

Desta forma, o Santos deve ir a campo no clássico com a seguinte formação titular: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Bruno Uvini e Mena (Caju); Alison, Arouca e Lucas Lima; Gabriel, Leandro Damião (Robinho) e Rildo.