A tentativa do presidente do Corinthians, Mário Gobbi, de marcar uma reunião com os candidatos à sua sucessão para tentar chegar a um consenso de quem será o substituto do técnico Mano Menezes dificilmente vingará. Os oposicionistas não gostaram da proposta do dirigente e preferem contratar o novo treinador apenas depois da eleição, que está marcada para fevereiro.

"Ele precisa assumir a lambança que fez e não querer transferir a responsabilidade para os outros", criticou Paulo Garcia, nome mais cotado para encabeçar a chapa da oposição.

O ex-diretor social Ilmar Schiavenato, que lançou a sua candidatura como terceira via no Parque São Jorge, também não está disposto a abrir mão de suas preferências pessoais para aceitar um treinador definido por consenso com seus adversários. "Posso até ir a essa reunião por respeito ao Gobbi, mas acho leviano falar em treinador agora", disse. O candidato da situação, o ex-diretor de futebol Roberto de Andrade, não retornou às ligações da reportagem para comentar o assunto.

Como Gobbi já anunciou que não vai renovar o contrato de Mano Menezes independentemente da classificação da equipe no Campeonato Brasileiro, o Corinthians deverá ficar sem treinador durante a pré-temporada. O time será treinado por uma comissão técnica interina comandada pelo auxiliar Sylvinho, ex-lateral-esquerdo do clube.

O gerente de futebol do Corinthians, Edu Gaspar, está em Orlando, nos Estados Unidos, para definir detalhes da pré-temporada que o time vai realizar no país em janeiro. No lançamento oficial da Flórida Cup, torneio que além do clube paulista vai reunir Fluminense, Bayer Leverkusen e Colônia (ambos da Alemanha), o dirigente entregou uma camisa ao Mickey Mouse.

O elenco alvinegro desembarcará em Fort Lauderdale no dia 8 de janeiro. Até o dia 13, os jogadores treinarão no CT do Fort Lauderdale Strikers, time que disputa a NASL (North American Soccer League).

Depois, a equipe vai para Orlando, onde estreia na Flórida Cup contra o Colônia, no dia 15. Na sequência, o time viaja para Jacksonville para no dia 17 enfrentar o Bayer Leverkusen. O retorno para o Brasil está previsto para o dia 19. A estreia do Corinthians no Campeonato Paulista será no dia 1º de fevereiro - a tabela ainda não foi divulgada.

A diretoria vê na pré-temporada nos Estados Unidos uma oportunidade de expandir a marca do clube no exterior e arrecadar receitas adicionais com publicidade em placas de campo, direitos de transmissão na TV e venda de pacotes turísticos para torcedores acompanharem os treinos e jogos da equipe na Flórida.