A seleção japonesa não contará com um dos seus principais jogadores no amistoso contra o Brasil, na próxima terça-feira (14), em Cingapura. A Associação Japonesa de Futebol explicou nesta sexta-feira (10) que Shinji Kagawa foi cortado após apresentar sintomas de concussão durante a vitória por 1 a 0 sobre a Jamaica em amistoso.

A entidade relatou que Kagawa foi atingido no maxilar durante o primeiro tempo, o que provocou um sangramento na sua boca, mas mesmo assim permaneceu em campo até o final da partida. O meia começou a sentir tonturas após o jogo e foi levado para hospital para realizar exames médicos.

Após o amistoso com a Jamaica, realizado em Niigata, a seleção japonesa embarca para Cingapura na manhã deste sábado, mas Kagawa não vai acompanhar a equipe. Hoje no Borussia Dortmund, o jogador sofreu uma concussão em agosto, em sua última partida pelo Manchester United.

Antes de enfrentar o Japão, a seleção brasileira entrará em campo neste sábado, às 9h05 (horário de Brasília), para a encarar a Argentina em Pequim, no Ninho do Pássaro, pelo Superclássico das Américas.