O volante italiano Daniele de Rossi, da Roma, e o zagueiro brasileiro Juan, da Inter de Milão, foram suspensos por três partidas cada. A punição foi imposta nesta segunda-feira pela Liga Italiana de Futebol em razão das agressões de ambos a adversários na rodada do último fim de semana no Campeonato Italiano, mesmo que os lances não tenham sido vistos pela arbitragem.

Assim, De Rossi e Juan não foram punidos pelo árbitro durante o empate por 0 a 0 entre Roma e Inter de Milão, mas o caso foi analisado através de imagens registradas pelas TVs. O volante italiano deu um soco em Mauro Icardi quando disputava a bola no primeiro tempo da partida. Já o brasileiro empurrou pelas costas Alessio Romagnoli nos minutos finais da etapa final.

De Rossi, inclusive, ficou fora da lista de convocados da seleção italiana para o amistoso de quarta-feira com a Espanha por causa da agressão. O caso é semelhante ao do atacante Domenico Berardi, do Sassuolo, que foi suspenso por três jogos após dar uma cotovelada em um jogador do Parma no último domingo e também não foi lembrado para a seleção Sub-21 da Itália.