A Justiça notificou o deputado estadual Alencar da Silveira Júnior (PDT) para que ele retire de seu automóvel um adesivo que faz alusão à candidatura do senador Aécio Neves (PSDB) à Presidência da República. A Justiça também pediu que ele excluísse de suas contas do Facebook e Instagram as postagens em que divulgava o adesivo e quem poderia produzi-lo. 

A notificação foi expedida depois que o Hoje em Dia publicou uma matéria mostrando que Alencar circulava com um adesivo: "Sou mineiro como o Brasil, vou com Aécio". Ele chegou a postar em uma rede social a foto do carro e ofereceu adesivos a quem tiver interesse. "Quer um (sic) mande fazer um adesivo para você também e vamos colocar um mineiro ... de verdade ... na Presidência da República".
 
Na ocasião, ele negou que estaria fazendo campanha extemporânea, pois não especificou quem seria o "Aécio" citado no texto. Em contato com o Hoje em Dia ele disse que já providenciou a retirada do adesivo e também das postagens.