O novo presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Eduardo Luiz Gonçalves Rios Neto, teve sua nomeação publicada nesta tera-feira (27) no Diário Oficial da União.

Rios Neto é economista, membro da Academia Brasileira de Ciências, doutor em Demografia e professor titular aposentado da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Antes da nomeação, ele era diretor de pesquisas do instituto.
 

Eduardo Luiz

O novo presidente do IBGE foi indicado pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes

O novo presidente do IBGE foi indicado pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes, e substitui a ex-presidente Susana Cordeiro Guerra, que pediu exoneração há cerca de um mês. Segundo informação divulgada pelo IBGE em 26 de março, a ex-presidente deixou o cargo por questões pessoais e de família. Ela assumiu a presidência do instituto em fevereiro de 2019 e foi exonerada no último dia 12 de abril.

Entre a exoneração de Suzana Cordeiro Guerra e a nomeação de Luiz Eduardo Gonçalvez Rios Neto, a presidência foi exercida pela diretora executiva do IBGE, Marise Maria Ferreira.

Na semana passada, o IBGE confirmou o adiamento do Censo Demográfico 2021, a maior pesquisa realizada pelo instituto. Segundo comunicado divulgado, a Lei Orçamentária de 2021 foi sancionada sem a recomposição do Orçamento de R$ 2 bilhões para a pesquisa, que ocorre uma vez em cada década.

"O IBGE retomará as tratativas com o Ministério da Economia (ME) para planejamento e promover a realização do Censo em 2022, de acordo com cronograma a ser definido em conjunto com o ME", diz a nota divulgada na última sexta-feira.

Leia mais:
BC: bancos estão preparados para enfrentar desdobramentos da pandemia
Brasileiros acreditam que inflação ficará em 5,6% em 12 meses