O Índice de Confiança da Indústria (ICI) apurado na prévia da sondagem de março ficou em 96,8 pontos, o que significa recuo de 1,7% em relação ao resultado final de fevereiro, que foi de 98,5 pontos. Se confirmado o resultado na leitura final deste mês, o ICI se situaria abaixo da média histórica recente pelo 13º mês consecutivo, que é de 105,2 pontos.

"O resultado de março resulta da piora tanto das avaliações sobre o momento presente quanto em relação às expectativas para os meses seguintes", informou a Fundação Getulio Vargas, em nota. A prévia de março demonstra que o Índice da Situação Atual (ISA) recuou 2,6%, para 97,0 pontos. Enquanto isso, o Índice de Expectativas (IE) caiu 0,8%, para 96,6 pontos.

Nuci

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) da indústria atingiu 84,6% em março, segundo a FGV. O resultado significa estabilidade em relação ao apurado no resultado final da sondagem de fevereiro. A prévia dos resultados da Sondagem da Indústria abrange a consulta a 808 empresas entre os dias 06 e 18 deste mês.