O governo editou a Medida Provisória 625, que abre crédito extraordinário no valor de R$ 60 milhões em favor do Ministério de Minas e Energia.

Os recursos, segundo quadro anexo publicado no Diário Oficial da União (DOU) junto com a MP, são para coordenação de ações de integração elétrica com os países vizinhos. Não há mais detalhes sobre as ações a serem executadas.