O Brasil ultrapassou a marca de 25 milhões de casos de Covid-19 nesta sexta-feira (28). Segundo o Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde, foram registrados 269.968 novos casos da doença nas últimas 24 horas. É o terceiro recorde seguido de notificações.

Na última quarta-feira (26), foram contabilizados 224.567 infectados pelo coronavírus e, nessa quinta-feira (27), as autoridades de saúde confirmaram 228.954 novos casos.

Até então, o recorde havia sido registrado em 18 de setembro de 2021, com 150.106 casos de Covid.

A soma de infectados pelo coronavírus desde o início da pandemia chega a 25.034.806. Isso equivale a quase a população inteira da Venezuela, que é de 28,44 milhões e é mais que o dobro do número de habitantes de Portugal e Suécia, que possuem pouco mais de 10 milhões cada.

Os casos em acompanhamento, que foram notificados nos últimos 14 dias e não tiveram alta nem evoluíram para morte, estão em 2.246.008.

O total de mortes em decorrência da pandemia alcançou 625.884. Em 24 horas, o Ministério da Saúde registrou 799 óbitos em virtude da Covid. Existem ainda 3.133 mortes em investigação – quando o paciente faleceu, mas a investigação da causa ainda demanda outros exames.

Até hoje, 22.162.914 pessoas se recuperaram da doença. O número corresponde a 88,5% dos infectados desde o início da pandemia.

Estados
Segundo o balanço do Ministério da Saúde, no topo do ranking de estados com mais mortes por Covid-19 registradas até o momento estão São Paulo (157.494), Rio de Janeiro (69.804), Minas Gerais (57.137), Paraná (41.167) e Rio Grande do Sul (36.822).

Já os estados com menos óbitos resultantes da pandemia são Acre (1.861), Amapá (2.047), Roraima (2.096), Tocantins (3.993) e Sergipe (6.084).

Vacinação
Até esta sexta-feira (28), foram aplicadas 352 milhões de doses, sendo 164 milhões com a primeira e 151,2 milhões com a segunda dose ou dose única (Janssen). E 37 milhões de pessoas já receberam a dose de reforço.

(*) Com Agência Brasil

Leia também: