Um jovem negro foi algemado à moto de um Policial Militar e arrastado nesta terça- feira (15) pela Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na região da Vila Prudente, Zona Leste de São Paulo. Imagens que circulam nas redes sociais mostram o rapaz correndo na tentativa de acompanhar o veículo.

As pessoas que estavam no local ficaram indignadas com a atitude do policial, um homem aparece no vídeo dizendo que o ato estava remetendo aos tempos de escravidão. "Olha lá, algemou e está andando igual um escravo". O ocorrido vem causando revolta nos internautas.

Operação 'Cavalo de Aço'

Segundo a Polícia paulista, o jovem estava pilotando uma motocicleta, não tinha habilitação e, ao furar um bloqueio policial, bateu numa viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Em seguida, foram encontrados 12  tabletes de maconha dentro de sua mochila. Conforme depoimento do rapaz à PM, a droga seria entregue do bairro Vila Prudente ao Jardim Rodolfo Pirani.

Em nota, a Polícia diz que após ter ciência do fato determinou instauração de um inquérito militar (IPM) para apuração, e que é contra as abordagens violentas. "Por fim, a Polícia Militar repudia a forma como o detido foi conduzido, que afronta todos os protocolos da instituição e reafirma o seu compromisso de proteger as pessoas, combater o crime e fazer cumprir as leis, implacável contra pontuais desvios de conduta".


Veja o vídeo na íntegra:

 

Leia mais:
Anvisa: dois casos da variante Ômicron são identificados no Brasil
Pecuária tem papel fundamental na agenda climática mundial, diz ministra da Agricultura