A escola global Hertie School, em conjunto com o instituto República.org, recebe inscrições até o dia 15 de abril para o curso on-line gratuito Gestão Estratégica em Recursos Humanos, voltado para servidores públicos. As inscrições podem ser feitas no site da escola. São disponibilizadas 70 vagas para servidores das esferas federal, estadual e municipal.

O presidente do Conselho Diretor do Republica.org, Francisco Gaetani, explicou nesta terça-feira (23), à Agência Brasil, que a nova parceria estabelecida com a Hertie School prevê ações que serão realizadas nos próximos cinco anos, todas destinadas à valorização dos servidores públicos do Brasil. 
 

Curso online

O curso para a área de Recursos Humanos (RH) se estenderá por quatro dias, com aulas em inglês

 

Desde 2018, 30 profissionais brasileiros participaram de programas de mestrado ou cursos de aperfeiçoamento na Hertie School, mediante patrocínio oferecido pelo República.org. 

O curso para a área de recursos humanos (RH) se estenderá por quatro dias, com aulas em inglês, durante meio período por dia. O início das turmas está previsto para maio. A seleção dos interessados será feita pela Hertie School, que levará em consideração o domínio do inglês e a adequação do candidato ao tema de gestão de pessoas.

Francisco Gaetani disse que a área de recursos humanos, em geral, é muito maltratada por governos. “O grau de profissionalização da administração pública varia muito de acordo com os setores. Os recursos humanos, em geral, são áreas muito carentes de investimentos, capacitação, de formação”. 

O instituto República.org é uma organização não governamental (ONG) nacional que atua para a modernização da administração pública nacional, fazendo a valorização dos profissionais públicos, dedicado a melhorar a gestão de pessoas no serviço público do Brasil. 

A Hertie School foi criada em 2003 com a finalidade de contribuir para a preparação de profissionais com atuação de liderança em governos e no serviço público. É reconhecida pelo governo alemão e seus cursos de mestrado, doutorado e em nível executivo têm a certificação do sistema de ensino oficial do país.

Leia mais:
Ministro defende escolas técnicas com currículo ditado por empresas
13 dicas para ajudar os pais a motivarem as crianças no ensino on-line