Depois de uma semana de adaptação, o leão Rawell foi liberado nesta sexta-feira (16) para visitação no zoológico municipal de Curitiba (PR). O leão, sequestrado de uma ONG em Monte Azul Paulista (400 km de São Paulo), foi transferido para o zoológico por uma determinação do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis).

Rawell foi levado para o local no último dia 8 e chegou a ser solto em uma área do zoológico, mas estranhou a movimentação dos visitantes. Os responsáveis pelo zoológico adiaram a sua exposição até que se adaptasse. Desde sexta-feira, quem visitou o local já pode conhecer o leão. A jaula de Rawell é vizinha a das leoas gêmeas, Nala e Leona. Alexandre Biondo, diretor do departamento de pesquisa e conservação de fauna do zoológico, disse que após o período de adaptação de Rawel irá analisar a possibilidade de colocá-lo em contato com as leoas.

SAGA

No início de maio, Rawel viveu uma "saga" em uma semana. Ele foi furtado por seu ex-dono no dia 1º de maio. Três dias depois ele foi localizado em Maringá (PR) no criadouro de seu ex-dono, Ary Marcos Borges da Silva. O homem foi multado em R$ 10 mil pelo Ibama porque não poderia ter feito a doação a ONG em Monte Azul. Além disso, o homem perdeu a posse do leão. O Ibama ainda apura outras irregularidades que Silva possa ter cometido.