Você já acreditou ser uma fraude no trabalho ou que não merece ocupar uma boa posição profissional? Cuidado: são sinais da síndrome do impostor, fenômeno que pode levar muitos bons profissionais a deixarem de conquistar espaço por medo de não serem bons "o suficiente".

Pesquisa recente divulgada pela KPMG aponta que 75% das mulheres executivas já viveram o problema em algum momento da carreira. O resultado indica, inclusive, que o sexo feminino é o mais impactado pela falta de confiança na própria capacidade. Homens, entretanto, também sofrem com esse mal.

A síndrome do impostor é o tema da live que abrirá a nova temporada do “Hoje em Dia ao Vivo” nesta quinta-feira (2), às 19h, com nova mediadora. O bate-papo, no perfil do jornal no Instagram, será conduzido pela editora-adjunta Renata Galdino, coordenadora das Redes Sociais do HD.

A psicóloga clínica Caroline Turatti, especialista em relacionamentos, é a convidada da noite. Sinais do problema, como lidar com ele e estudos recentes - que podem indicar um lado positivo do fenômeno - serão abordados por ela durante a live.

Você pode participar ao vivo enviando perguntas para a entrevistada.

Leia Mais:
Mulheres empreendedoras já são mais de 30 milhões no país
Projeto das Faculdades Kennedy e Promove disponibiliza bolsas de graduação de até 90% para atletas
Jovens de 18 a 24 anos são os que têm mais dificuldades em empreender no país, aponta Sebrae