A Ford tem levado a sério sua estratégia de ser posicionar na prateleira de cima do mercado brasileiro. Como já era esperado, ela confirmou que irá importar a picape Maverick. O modelo que estreou há pouco nos Estados Unidos para concorrer num segmento de compactas, chega por aqui em 2022 para disputar o terreno hoje dominado pela Fiat Toro.

Para a Ford, a aposta no modelo é fundamental para ampliar sua participação, que foi duramente impactada pelo fechamento das fábricas no Brasil, após a retirada de linha dos modelos EcoSport, Ka e Ka Sedan. Segundo a montadora, a picape chega para fortalecer o portfólio da marca.

“A Maverick é uma picape inovadora, sem dúvida, um Ford Raça Forte. Ela surpreende pela versatilidade, tanto no interior como na caçamba, pelo tamanho, pelo design, pela tecnologia e dirigibilidade. Nos testes que fizemos aqui todos ficaram impressionados com o produto”, aponta o presidente da Ford América do Sul, Daniel Justo.

Sem dar detalhes de motorização e conteúdos, é esperado que a picape seja oferecida aqui com o mesmo motor do Bronco Sport. Trata-se do motor EcoBoost 2.0 de 240 cv e 38 kgfm de torque, combinado transmissão automática de oito marchas e tração 4x4. Mas, ao contrário do Bronco, que é um SUV, a Maverick é uma picape. E, nesse segmento, ter um motor diesel é fundamental para fazer o produtor trocar o certo pelo duvidoso. 

Assista também!