Em 2016, Alexandre Kalil e João Leite disputaram a Prefeitura de Belo Horizonte. Neste pleito de domingo (7), os dois quase se reencontraram no Estadual Central, zona eleitoral de ambos. Apesar do "face a face" não ter acontecido, João rebateu críticas de Kalil via imprensa. 

Ao chegar no local de votação, o atual mandatário da cidade afirmou que o PSDB "colheu o que plantou", ao responder sobre o quadro sem representante do partido no segundo turno presidencial.

Questionado sobre tal visão, João Leite, que é candidato a deputado estadual pelo partido tucano, não fugiu das críticas e respondeu ao ex-presidente do Atlético (clube no qual o ex-goleiro é recordista de partidas).

"O que o PSDB plantou foi o maior plano econômico do país. Defendeu toda a população brasileira. Depois de ter 13 anos de governo do PT, que é aliado desse atual prefeito, eles não fizeram nada. Foi governo de destruição. Destruição da Lagoa da Pampulha na atual gestão desse prefeito. Desrespeito à população. Desrespeito à lei de responsabilidade fiscal".

Leia mais:
Eleitores em trânsito podem justificar ausência até as 17h
Em ascensão, Zema confia que estará no segundo turno e já mira duelo com Anastasia
Dilma e Pimentel são hostilizados por antipetistas em Belo Horizonte
Candidata ao Senado, Dilma vota na Pampulha e diz que vitória de Bolsonaro compromete a democracia