O número de casos de microcefalia subiu para 3.893. Os registros foram feitos em 764 municípios, distribuídos em 21 unidades da federação. Até agora, foram notificadas 49 mortes provocadas pela má-formação. Do total de óbitos, 5 tiveram confirmadas a infecção por zika.

Segundo informações do Ministério da Saúde, Pernambuco continua a ser o Estado com o maior número de casos suspeitos (1.306), o que representa 33% do total registrado em todo o País.