A Anvisa recomendou, nesta terça-feira (11), a suspensão imediata da vacinação contra a Covid-19 em grávidas com o imunizante da AstraZeneca. Mesmo as gestantes que já tomaram a primeira dose da vacina não devem receber o reforço. A interrupção, conforme a agência reguladora, é resultado do monitoramento de eventos adversos.

Em Minas, o Estado informou que irá seguir a orientação do Ministério da Saúde e, em Belo Horizonte, apenas gestantes e puérperas com comorbidades e idades acima de 18 anos seguem sendo vacinadas. Neste caso, a recomendação da pasta é para que sejam usadas as vacinas Coronavac e da Pfizer. Confira todos os detalhes no vídeo acima.

Leia mais:
Especialista em Cultura do HD comenta lançamento de editais em Minas; confira o vídeo
Minas registra mais 373 mortes e 9.764 casos de Covid-19 em 24 horas
BH suspende vacinação de gestantes sem comorbidades prevista para esta quarta