Sabe aquele notebook, impressora, smartphone, tela de computador, modem ou roteador que você não usa mais, porém segue em bom estado de conservação? Tais equipamentos eletrônicos podem fazer a diferença para alunos carentes da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Ainda mais em tempos de aulas somente virtuais.

A campanha “1 Computador Doado = 1 Acadêmico Conectado” visa atender pelo menos mil universitários. 

Com a pandemia do novo coronavírus, as aulas presenciais na universidade estão suspensas. Computador e internet ágil são ferramentais essenciais para acessar o conteúdo.

A ideia é mobilizar parceiros, negócios, empreendedores e empreendimentos da cidade e da região de abrangência da universidade que queiram apadrinhar os alunos. Os beneficiados pela ação deverão se enquadrar nos critérios socioeconômicos do Programa de Assistência Estudantil da Unimontes.

“A campanha, que teve início esta semana nas mídias digitais da Universidade, terá novos desdobramentos, com o impulsionamento de outros eventos solidários e parcerias de divulgação a partir da participação das próprias Empresas Juniores, Diretorias Acadêmicas e Atléticas, bem como da comunidade acadêmica da Unimontes”, explica o pró-reitor de extensão, Paulo Eduardo Gomes de Barros. 

O último levantamento do Comitê Gestor de Internet do Brasil (2018) aponta que apenas 5% da população brasileira das classes D e E possuíam computador portátil ou computador de mesa. 

“Diante dessa realidade e das consequências da pandemia causadas pela Covid-19, que atingem diretamente nossos acadêmicos, que dependem do contato online com os professores para viabilizar suas aulas, a Unimontes quer mobilizar seus parceiros nesta campanha. Muitos alunos não têm smartphones, notebooks ou outro tipo de computador. Queremos conectar todos esses para que a aprendizagem não seja prejudicada”, acrescenta à vice-reitora professora Ilva Ruas Abreu.