Diferentemente da personagem Ana, que interpreta no filme “Modo Avião”, Larissa Manoela sabe bem os seus limites com o celular, não deixando a vida ficar dependente do aparelho. “Uso bastante as redes sociais porque é uma forma de contato com os fãs”, registra a atriz.

A nova produção marca o início da parceria com a plataforma de streaming Netflix. Na trama, ela vive uma influencer que bate o carro vários vezes ao dirigir prestando a atenção no celular e acaba sendo mandada para o interior, para a casa do avô (Erasmo Carlos).

“Foi muito especial atuar com ele. Eu me comportava mesmo como uma neta, para a relação se tornar mais verdadeira no filme”, registra Larissa, que já tinha escutado músicas do Tremendão por influência do pai, fã do cantor de hits como “Festa de Arromba” e “Pega na Mentira”.

Larissa encerrou recentemente o contrato com o SBT, onde ganhou destaque com novelas como “Carrossel”, no papel de Maria Joaquina, e “Cúmplice de um Resgate”. A expectativa é que ela seja escalada para uma das próximas novelas da Rede Globo, intitulada “Além da Ilusão”. 

Apesar de não confirmar essa mudança de casa, ela acredita que 2020 será um ano especial. O contrato com a Netflix prevê mais longas-metragens, sendo que um será filmado ainda neste semestre. “Está sendo muito gratificante para mim. O alcance da Netflix é mundial”.

Neste momento, a atriz está envolvida em outra produção, “Diários de um Intercâmbio”, passada em Nova York e Rio de Janeiro. A capital fluminense, por sinal, se tornou a sua nova morada, terra também do namorado, o ator Léo Cidade, que recentemente participou da novela “Jezebel”.