Em coletiva para a imprensa na manhã de ontem, o presidente da Fundação Municipal de Cultura (FMC) Juca Ferreira garantiu a permanência dos festivais no calendário fixo de eventos culturais de Belo Horizonte. 

Foram anunciadas, para este ano, a 2ª edição do Festival Literário Internacional de Belo Horizonte (FLI-BH), que acontece entre 14 e 17 de setembro, e o 9º Festival de Arte Negra (FAN), de 18 a 23 de outubro. Já o 10ª Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ) foi adiado para o ano que vem (de 30 de maio a 3 de julho), quando também acontecerá, em maio, a 14ª edição do Festival Internacional de Teatro, Palco & Rua de Belo Horizonte, o FIT-BH.

Futuro secretário municipal de Cultura, Ferreira afirmou ser favorável à permanência da Virada Cultural, mas disse que o evento está sendo repensado. “Até o dia 1º de setembro, quando a secretaria de cultura será implementada, devemos anunciar a Virada”, afirmou, revelando que, em breve, serão divulgados os editais da Lei Municipal de Incentivo à Cultura e do Fundo Municipal.

​Sobre os festivais, Ferreira ressaltou que o orçamento não teve grandes cortes, mas que os aportes para os próximos anos devem ser aprimorados. “O esforço que estamos fazendo é para atingir o mesmo nível dos festivais anteriores. Mas a ideia é dar continuidade ao crescimento, com o aprimoramento do planejamento, o que evidentemente pede um investimento orçamentário coerente”, finalizou.