Após a greve parcial dos motoristas de ônibus de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na manhã desta segunda-feira (29), a Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (Transcon) notificou o Ministério Público e o Ministério Público do Trabalho. Agora, a empresa aguarda o parecer dos órgãos. O usuários do tranporte coletivo no município foram pegos de surpresa com a paralisação das atividades dos rodoviários no município.

O presidente do Sintetcon, Santos Rocha, afirmou ao Hoje em Dia que uma reunião com os trabalhadores paralisados foi feita às 12h desta segunda (29). As partes chegaram a um acordo para que os ônibus voltassem a circular normalmente ainda durante a tarde.

A paralisação foi feita por uma parcela de profissionais que não concordava com o resultado da negociação entre o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Contagem (Sintetcon) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitano (Sintram), na última quinta-feira (25).

Leia também

Trabalhadores e movimentos sociais invadem sede da Cemig em Belo Horizonte nesta segunda
Ônibus voltam a circular em Contagem na tarde desta segunda, mas situação ainda não foi normalizada