Trabalhadores da saúde a partir de 50 anos, cujo reforço contra a Covid-19 tenha completado seis meses - ou que faltem até 15 dias para completar este prazo - poderão tomar a terceira dose da proteção nesta sexta-feira (15) em Belo Horizonte.

Os profissionais precisam apresentar o cartão de vacina, documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência na capital. Além disso, é necessário ter em mãos o comprovante de trabalho na área, como um registro em conselho profissional.

Os centros de saúde e postos extras funcionam das 8h às 17h. Quem preferir, pode ir até uma das unidades drive-thru, que atendem das 8h às 16h30. Os locais podem ser consultados neste link

Quatro endereços também estão abertos para imunização em horário noturno. Só pode se vacinar nesses espaços o público convocado para aquele dia específico. Confira:

  • UFMG Campus Saúde (Escola de Enfermagem): avenida Professor Alfredo Balena, 190 - Santa Efigênia – Funcionamento das 12h às 20h
  • Faculdade Pitágoras: rua dos Timbiras, 1.375 - Funcionários – Funcionamento das 8h às 20h
  • UNA-BH: rua Aimorés, 1.451 - Lourdes – Funcionamento das 8h às 20h
  • Faminas-BH: avenida Cristiano Machado, 12.001 - Vila Clóris – Funcionamento das 8h às 20h

Não haverá aplicação da vacina contra o coronavírus neste sábado (15). A campanha será retomada na segunda-feira (18), com a segunda dose de AstraZeneca para pessoas de 37 anos, cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 25 de outubro. Veja o calendário aqui.

Leia mais:

Trabalhadores da Saúde com mais de 18 anos vão receber 3ª dose contra Covid no dia 20
Taxa de transmissão da Covid-19 em BH atinge menor patamar em mais de um mês