Trabalhadores da Saúde com mais de 18 anos foram convocados para a terceira dose da vacina contra a Covid-19 em Belo Horizonte. A vacina será aplicada na próxima quarta-feira (20) em quem tomou a segunda dose há seis meses ou falta até 15 dias para completar esse prazo.

Nesta sexta-feira (15), os profissionais da área acima de 50 anos poderão tomar a dose de reforço (veja calendário abaixo). No sábado não haverá campanha de vacinação contra a Covid-19.

A prefeitura da capital também divulgou nesta quinta-feira (14) o calendário de imunização até o próximo dia 23, que inclui ainda o complemento de esquema vacinal com a segunda aplicação.

Nos centros de saúde, os profissionais de Saúde precisam apresentar o cartão de vacina, documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência na capital. Além disso, é necessário ter em mãos o comprovante de trabalho na área, como um registro em conselho profissional.

Para as aplicações da segunda dose, basta se ater à data de convocação, e comparecer à unidade de saúde com cartão de vacina, documento de identidade com tofo, CPF e comprovante de residência. A Secretaria Municipal de Saúde orienta que o usuário se vacine no dia exato da convocação. "Caso a pessoa vá às unidades em data posterior, está sujeita a enfrentar filas, já que os pontos de repescagem estão distribuídos em uma unidade por regional e por tipo de vacina", afirmou a PBH.

Locais e endereços de vacinação

Os centros de saúde e postos extras ficam abertos de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Quem preferir, pode ir até uma das unidades drive-thru, que atendem das 8h às 16h30. Os locais podem ser consultados neste link.

Quatro endereços também estão abertos para imunização em horário noturno. Só pode se vacinar nesses espaços o público convocado para aquele dia específico. Confira:

  • UFMG Campus Saúde (Escola de Enfermagem): avenida Professor Alfredo Balena, 190 - Santa Efigênia – Funcionamento das 12h às 20h
  • Faculdade Pitágoras: rua dos Timbiras, 1.375 - Funcionários – Funcionamento das 8h às 20h
  • UNA-BH: rua Aimorés, 1.451 - Lourdes – Funcionamento das 8h às 20h
  • Faminas-BH: avenida Cristiano Machado, 12.001 - Vila Clóris – Funcionamento das 8h às 20h

Confira o calendário completo, divulgado pela prefeitura de BH, até o próximo dia 23 de outubro:

  • Dia 15, sexta-feira: dose de reforço para trabalhadores da saúde a partir de 50 anos, completos até 31 de outubro, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo;
  • Dia 16, sábado: Campanha de Vacinação Antirrábica para cães e gatos; e Campanha Nacional de Multivacinação para crianças e adolescentes até 14 anos. Não haverá aplicação de vacinas contra a Covid-19.
  • Dia 18, segunda-feira: segunda dose de AstraZeneca para pessoas de 37 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 18 as pessoas de 37 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 25 de outubro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte;
  • Dia 19, terça-feira: dose de reforço para trabalhadores da saúde a partir de 35 anos, completos até 31 de outubro, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo;
  • Dia 20, quarta-feira: dose de reforço para trabalhadores da saúde a partir de 18 anos, completos até 31 de outubro, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo;
  • Dia 21, quinta-feira: segunda dose de AstraZeneca para pessoas de 36 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 21 as pessoas de 36 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 28 de outubro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte;
  • Dia 22, sexta-feira: segunda dose de Pfizer para pessoas de 35 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 22 as pessoas de 35 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 29 de outubro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte;
  • Dia 23, sábado: Não haverá vacinação.

Leia mais:
Teste de Covid não será mais obrigatório em eventos em BH para quem completou esquema vacinal
Pagamento do auxílio emergencial mineiro de R$ 600 começa nesta quinta; confira calendário