Dois homens morreram após os carros em que eles estavam bater de frente e explodirem na BR-116, altura de Leopoldina, na Zona da Mata, no domingo (26). Os motoristas, de 23 e 57 anos, ficaram presos às ferragens e foram carbonizados.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a colisão envolvendo um Corolla e uma Saveiro ocorreu na altura do km 731. Um dos veículos foi deslocado para fora da pista e caiu em uma ribanceira.

Uma equipe do 7º pelotão conteve as chamas nos veículos e na vegetação próxima à estrada. Os corpos foram retirados e enviados para o IML da cidade.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), por conta do acidente, o trânsito foi alterado para apenas uma das faixas por aproximadamente três horas. 


Leia mais:
Motociclista e pedestre morrem em atropelamento na MG-050

Polícia prende mulher suspeita de enviar bombom com veneno ao ex-marido e sua atual noiva em Jaíba