Contagem começou, nesta semana, a aplicação da 2ª dose da vacina da Pfizer na população que mora fora da cidade. Entretanto, é necessário seguir algumas regras. Esse público deve enviar um e-mail para vacina@contagem.mg.gov.br e justificar o motivo do pedido. A solicitação passará por uma avaliação da central de vacinação da prefeitura e em seguida o pedido será autorizado ou indeferido.

O cronograma da segunda dose foi anunciado na última semana pela prefeitura. O intuito do município é cumprir a orientação do Ministério da Saúde de uma “vacinação sem fronteiras” no território nacional, possibilitando, dessa forma, que mais pessoas possam completar o esquema vacinal o quanto antes.

A medida começou a valer após o Ministério da Saúde anunciar que o intervalo entre a primeira e a segunda dose desse imunizante poderia ser reduzido para 21 dias. Antes, o intervalo era de três meses.

No entanto, de acordo com a prefeitura, houve um aumento muito grande na procura pela segunda dose do imunizante, que chegou, inclusive, a prejudicar o estoque para os próprios moradores da cidade. Em função disso, a secretaria municipal de saúde decidiu restringir essa ampliação, solicitando a justificativa.

Até o momento, Contagem foi a única cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte a anunciar o novo cronograma de imunização com o intervalo reduzido para 21 dias.

Leia mais:

Minas recebe 633 mil doses das vacinas Pfizer e AstraZeneca nesta sexta

Primeira dose da vacina contra a Covid foi aplicada em 93% dos adultos de Minas