Um homem, de 21 anos, foi preso por agredir e torturar um menino de um ano, na noite de segunda-feira (20), em Caratinga, no Vale do Rio Doce. Segundo a Polícia Militar, os vizinhos invadiram a residência para socorrer a vítima e atacaram o suspeito. 

Quando os militares chegaram ao local, encontraram o homem ensanguentado. Ele foi encaminhado ao Hospital Nossa Senhora Auxiliadora para receber atendimento médico e, em seguida, conduzido à delegacia. 

O suspeito relatou à polícia que estava cuidando da vítima pois a mãe havia saído. Ele viu o menino ir à cozinha e comer um alimento estragado, e lhe deu um tapa. Depois, ainda segundo relato do suspeito, a criança retornou ao cômodo e caiu com a cabeça no chão. 

Contudo, conforme o boletim de ocorrência, os vizinhos contaram que ouviram batidas na parede e um choro alto. Pelo portão, viram o homem dando murros e batendo a cabeça da vítima contra o solo. 

O Conselho Tutelar foi acionado, e informou que a criança já estava sendo acompanhada antes do fato, por negligência materna. Ela foi entregue ao pai, e ficará sob os cuidados dele.  

De acordo com a PM, o suspeito não tinha parentesco com a vítima. 

Leia mais: 

Corpo de homem desaparecido é encontrado dentro de caixa de gordura em prédio de Igarapé
Com mais 12 confirmações, sobe para 415 o número de casos da variante Delta do coronavírus em Minas
Na ONU, Bolsonaro defende 'tratamento precoce' e critica lockdown; confira discurso