Mais de um ano após a suspensão das atividades por conta da pandemia de Covid-19, estudantes do ensino médio poderão retornar às escolas em Belo Horizonte. A decisão foi oficializada nesta sexta-feira (23), por meio de um decreto publicado no Diário Oficial do Município (DOM).  

A decisão sobre o retorno já havia sido confirmada pela PBH na quinta-feira (22) e ocorre após a cidade registrar melhora nos números do chamado Matriciamento de Risco (MR), índice que mede a incidência da Covid-19 a cada 100 mil habitantes. No momento, o dado está em 85%, o que permite a volta das atividades para estes estudantes.

Segundo o documento, os alunos poderão comparecer às instituições de ensino de segunda a sábado, sem restrição de horário, mas devem obedecer às regras sanitárias, conforme protocolo da prefeitura.

Confira algumas delas:

  • O tempo máximo de permanência do aluno na escola deverá ser de até cinco horas;
  • Todos os alunos e funcionários deverão chegar na escola, e permanecer, de máscara;
  • O uso da máscara só deixará de ser obrigatório no momento da alimentação ou hidratação, nos espaços destinados para esses fins;
  • O responsável pelo aluno deverá assinar termo de responsabilidade antes do retorno às atividades presenciais, que deverá contemplar o respeito às medidas de prevenção à covid-19 dentro e fora de casa;
  • Alunos e funcionários deverão levar seus próprios copos ou garrafas de água de uso individual, que deverão ser higienizadas diariamente em domicílio;
  • A entrada e saída dos alunos na escola deverá ser fracionada, de forma a evitar aglomerações e filas nos portões da escola.

Clique aqui e confira todas as regras. 

Sala de aula

Nas instituições os alunos serão divididos em grupos de até 12 alunos por sala, podendo ser ampliado desde que respeitado o distanciamento de no mínimo 2 metros entre os estudantes e respectivas carteiras.

Segundo o protocolo, os alunos serão organizados em bolhas, de forma com que não entrem em contato com outros estudantes. O professor deve ministrar a aula sempre em uso de máscara e permanecer o mais próximo ao quadro, evitando aproximação com o aluno da primeira carteira.

Nos locais, as janelas, portas e outros departamentos deverão permanecer abertas. O uso de ventilador é permitido no modo exaustor. Não é permitido o uso de ar condicionado.

Será preciso escalonar a saída das salas por fileiras de assentos, a fim de evitar aglomerações em escadas e corredores, sendo iniciada pelas fileiras mais próximas à porta, terminando nas mais distantes, evitando assim o cruzamento entre alunos.

Leia mais:
BH oficializa retorno imediato das aulas presenciais para estudantes do ensino médio
Governo de Minas deixa de exigir autenticação em serviços ofertados pela administração
BH anuncia volta às aulas presenciais do ensino médio; decreto será publicado nesta sexta