Dezoito torcedores do Atlético, entre adultos e adolescentes, foram presos ou apreendidos por suspeita de lançarem foguetes contra o hotel onde está hospedada a delegação do Boca Juniors, no bairro Ipiranga, na região Nordeste de Belo Horizonte, na madrugada desta terça-feira (20). Os times se enfrentam nesta noite no Mineirão.

De acordo com a Polícia Militar, a ação da torcida organizada teve início por volta de 1h30, atrapalhando o sono dos hóspedes e dos vizinhos, danificando patrimônio público e privado, e colocando em risco a integridade física de pessoas que transitavam pelo local.

Assim que acionados, militares do Batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (ROTAM) foram para a área e controlaram a situação. Para tanto, houve necessidade de uso de munições químicas e de impacto controlado (bombas de efeito moral). Apesar da aplicação do recurso, a polícia informou que ninguém foi atingido ou ferido.

Os envolvidos foram detidos pela contravenção penal de arremesso e colocação perigosa. Os menores de 18 anos foram levados para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional (CIA/BH), enquanto os adultos foram encaminhados para a Delegacia de Plantão da Polícia Civil, na região Centro-Sul. Além disso, foram apreendidos diversos foguetes e fogos de artifício.

Atlético e Boca Juniors jogam, às 19h15 desta terça, no Mineirão, pela volta das oitavas de final da Libertadores.

Leia mais:
Dançarino mineiro é esfaqueado e morto após discussão na Holanda
Vacina contra Covid em Contagem chega a moradores a partir de 39 anos; confira locais e horários
Centro de inclusão social busca parcerias para ampliar atendimento a pessoas com deficiência