A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais finalizou nesta terça (29) a instalação da primeira bomba de sucção para diminuir o nível de água da barragem no Serro, no Vale do Jequitinhonha. A expectativa é que os trabalhos terminem nesta sexta-feira (2) e que 40% do nível da água seja reduzido.

Toda a ação é acompanhada pela força-tarefa formada técnicos do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), de engenheiros da Defesa Civil municipal, servidores da Secretaria de Obras de Serro e policiais e bombeiros militares. 

Ainda segundo a Defesa Civil, todas as oito famílias retiradas de suas casas permanecem evacuadas e os pontos de bloqueio e desvio de transito na MG-10 continuam inalterados. 

Nesta quarta-feira (30), o trabalho seguirá com o processo de instalação da segunda bomba para avançar no objetivo de baixar o nível de água da barragem, diminuindo o seu volume e a pressão sobre o barramento.

De acordo com os bombeiros, a barragem está em uma área particular e a água está vazando entre um paredão de pedras. As infiltrações começaram na quinta-feira (24). No sábado (26), o local foi interditado e segue em monitoramento. 

A Defesa Civil criou um posto de comando na Escola Deputado Augusto Tolentino, na comunidade Mato Grosso, para centralizar as informações a respeito da situação, coordenação da operação e atendimento aos afetados.