Os três indicadores de monitoramento da Covid-19 registraram queda em Belo Horizonte nesta sexta-feira (25), segundo o boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura.

O número médio de transmissão por infectado (RT), que mede a circulação do vírus no município, se manteve em 0,94 por três dias consecutivos e caiu para 0,93. Isso significa que cem pessoas contaminadas transmitem a doença para 93. 

A taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva também reduziu quase dois pontos percentuais desde o último informe e passou de 71,1% para 69,4%. O índice deixou o nível máximo de alerta, no vermelho e passou para o amarelo. Já ocupação das enfermarias passou de 52,5% para 52,0%.

Até este momento, 234.329 pessoas tiveram Covid-19 na cidade. Dessas, 5.687 morreram.

Vacinação

A aplicação da primeira dose da vacina contra o novo coronavírus chegou a 1.099.712 na capital mineira. Já os imunizados com segunda dose são 419.423. 

A partir da próxima segunda-feira (28), o município começa a imunizar, com a Coronavac, pessoas de 50 a 52 anos e aplicar a segunda dose de AstraZeneca em trabalhadores da saúde de 50 anos ou mais.

Veja o cronograma:

  • Segunda-feira (28): pessoas de 52 anos, completos até 30 de junho, exclusivamente residentes de BH, e segunda dose para trabalhadores da saúde de 50 anos ou mais;
  • Terça-feira (29): pessoas de 51 anos, completos até 30 de junho, exclusivamente residentes em Belo Horizonte;
  • Quarta-feira (30): pessoas de 50 anos, completos até 30 de junho, exclusivamente residentes em Belo Horizonte.

Leia Mais:
MG já perdeu quase 12 mil doses de vacina contra Covid-19 por falha em equipamentos ou vandalismo
Brasil receberá doação de 47 mil itens de kit intubação da Irlanda
Pessoas de 47 e 48 anos serão vacinadas contra a Covid na próxima semana em Contagem, na Grande BH