O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais foi acionado ao menos 437 vezes entre a noite de sexta-feira (19) e a manhã desta terça (23) para atendimento de ocorrências relacionadas às chuvas que atingem o Estado desde o fim da última semana. Onze deles para salvamento de pessoas em locais de alagamento, inundação ou enxurrada e 15 para salvamento de mineiros que estavam ilhados.

De acordo com um balanço divulgado na manhã de hoje, foram feitas 243 vistorias em locais com risco de enchentes; 15 solicitações de desabamento, desmoronamento ou colapso de estruturas, sete de deslizamento ou soterramento com uma vítima, além de 21 chamados para vistoria em risco de deslizamento ou soterramento e 75 para vistoria em risco de desabamento ou desmoronamento. 

Os militares também foram acionados 49 vezes para ocorrências de enchente, inundação, alagamento ou enxurrada. O balanço não contempla registros relacionados à acidentes automobilísticos, nem à queda de árvores.

Leia mais:
Romeu Zema visita Carangola e garante apoio após estragos causados pelas chuvas
Com estoque baixo, Cruz Vermelha pede ajuda; Santa Maria de Itabira recebe doações
SOS Santa Maria de Itabira: mobilização nas redes sociais busca ajudar afetados pela chuva