A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu, na última sexta-feira (5), um homem de 21 anos e outro de 19 suspeitos de atearem fogo em um homem de 61 anos, em Ouro Preto, na região Central de Minas. Um adolescente, de 17 anos, também é investigado por ato infracional análogo ao crime de tentativa de homicídio.

De acordo com a PCMG, o crime teria ocorrido no dia 18 de janeiro, na Praça Tiradentes, no bairro Barra.  

Ainda segundo a corporação, a vítima foi abordada pelo trio próximo a um bar. Os suspeitos teriam pedido informações sobre como chegar à Praça Tiradentes. Em seguida, empurraram o senhor para dentro de um chafariz, despejando sobre ele um liquido inflamável e ateando fogo, em seguida.

A vítima ainda conseguiu correr até uma rua para pedir socorro, mas desmaiou em seguida, acordando apenas no hospital. O senhor sofreu queimaduras de segundo grau no braço, peito, rosto e orelha.

O delegado Warlyson de Oliveira Henriques informa que, durante as investigações, a equipe identificou os suspeitos e a Polícia Civil, após decisão da Justiça, efetuou a prisão temporária dos dois jovens, além de cumprir um mandado de busca e apreensão domiciliar nos endereços dos alvos. Também foi requerida a internação do adolescente.

“Além do devido cumprimento dos mandados de prisão, encontramos roupas usadas por um dos investigados no momento do crime, que foram apreendidas”, completou Henriques.

O delegado confirmou ainda que os suspeitos reservaram-se o direito de ficar em silêncio e foram encaminhados ao sistema prisional. Em relação ao adolescente, a Polícia Civil aguarda manifestação da Justiça quanto à ordem judicial pertinente.