O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), autorizou a reabertura do comércio, dos bares e restaurantes, além de academias e clubes da capital, a partir de segunda-feira (1º). Essas atividades consideradas não essenciais estavam fechadas desde o dia 11 de janeiro, numa tentativa de frear a pandemia do coronavírus na cidade.

A decisão do prefeito foi tomada após o Comitê de Enfrentamento à Epidemia da Covid-19 confirmar a queda nos índices de monitoramento da pandemia. "Os índices baixaram bem, inclusive os de ocupação das UTIs. Volto a pedir desculpa a todos pelo fechamento do comércio. Mas digo, com base nos três velocímetros que temos – Rt, ocupação de leitos e ocupação das UTIs – que valeu a pena. Valeu a pena esse sacrifício da população. Nós continuamos na nossa coerência. Se os três índices nos permitissem reabrir toda a cidade, nós reabriríamos. Mas, o que a gente nota é que a taxa de ocupação dos leitos caiu bastante”, afirmou o prefeito.

​A flexibilização prevê o período para consumo no local de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes, que passa a ser entre 11h e 15h, de segunda a sábado. Aos domingos esses estabelecimentos seguem fechados, mas com a permissão por delivery. 

O consumo de produtos dentro das padarias e lanchonetes, entre 5h e 22h, também está liberado.

Outra mudança está relacionada às atividades de museus, cinemas, teatros, salões de beleza, clínicas de estética e feiras, que poderão funcionar sem restrição de dia e de horário.

Veja o que pode funcionar em BH a partir de segunda-feira:

  • Todo o comércio varejista "não essencial" - Segunda-feira a sábado, entre 9h e 20h;
  • Comércio atacadista da cadeia de atividades do comércio varejista autorizada a funcionar, exceto comércio atacadista de recicláveis - Segunda-feira a sábado, entre 5h e 17h;
  • Cabeleireiros, manicures e pedicures - Sem restrição de horário;
  • Atividades de estética e outros serviços de cuidados com a beleza: clínicas de estética - Sem restrição de horário;
  • Atividades autorizadas em funcionamento no interior de galerias de lojas e centros de comércio - Segunda-feira a sábado, entre 9h e 20h;
  • Atividades autorizadas em funcionamento no interior de shopping centers - Segunda-feira a sábado, entre 10h e 21h - Domingo, somente para retirada de produtos no estacionamento, em formato drive-thru, sem restrição de horário;
  • Atividades no formato drive-in - Diariamente, entre 14h e 23h59min;
  • Atividades de condicionamento físico: academia, centro de ginástica e estabelecimentos de condicionamento físico, inclusive no interior de galerias de lojas, centros de comércio e shopping centers - Sem restrição de horário;
  • Serviços de alimentação, para consumo no local: restaurantes, cantinas, sorveterias, bares e similares, inclusive aqueles no interior de galerias de lojas, centros de comércio e shopping centers - Segunda-feira a sábado, entre 11h e 22h - Comercialização de bebidas alcoólicas para consumo no local somente entre 11h e 15h;
  • Clubes de serviço, de lazer, sociais, esportivos e similares - Sem restrição de horário;
    Museus, galerias de arte e exposições - Sem restrição de horário;
  • Cinemas - Sem restrição de horário, inclusive para os cinemas no interior de shopping centers;
  • Teatros públicos ou privados licenciados, com público sentado - Horário licenciado;
  • Feiras, exposições, congressos e seminários, em propriedade pública ou privada licenciada ou mediante licenciamento específico - Horário licenciado;
  • Padarias e lanchonetes (permitido o consumo no local) - 5h às 22h.