A chegada da vacina contra a Covid-19 motivou a criação de um “kit festa” por um buffet de Belo Horizonte, destinado às pessoas que querem comemorar o início da campanha de imunização em casa. O produto tem decoração temática de jacaré.

A ideia surgiu da empresária Tamiris Mayrink, de 33 anos, dona do buffet Era Uma Vez. Desde o início da pandemia, a empresa passou a vender pequenos kits para celebrações nas residências e viu na imunização uma oportunidade.

“Eu estava respondendo algumas perguntas no Instagram e alguém perguntou: ‘e quando chegar a vacina?’ Respondi que íamos fazer uma festa de jacaré. Tivemos retorno, muitas pessoas responderam e pensei que teria mercado para isso. Então, deixei a parte gráfica pronta e lançamos logo depois que as doses foram confirmadas”, contou.

A decoração foi inspirada em uma fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em 17 de dezembro, ele questionou os efeitos colaterais das vacinas contra a Covid-19, citando como exemplo o imunizante da farmacêutica Pfizer, dos Estados Unidos.

“Se você virar um chip, virar um jacaré, é problema de você (sic). Se você virar super-homem, se nascer barba em mulher, ou algum homem começar a falar fino, eles (Pfizer) não têm nada a ver com isso. E o que é pior, mexer com o sistema imunológico das pessoas”, disse  Bolsonaro, na ocasião.

“Criativo foi ele, não a gente. Só roubamos a ideia”, brincou Tamiris, referindo-se à fala do presidente.

O kit foi lançado nas redes sociais na última segunda-feira (18) e, desde então, tem tido bom retorno por parte dos clientes, segundo a empresária. O pacote para duas pessoas tem coxinhas, pastéis, pães de queijo, doces, bolo e bandeirinhas. O preço é R$ 169.

“Começamos a venda ontem e já vendemos vários, inclusive para pessoas de outros estados. A vacina é uma luz no fim do túnel. Eu sei que ainda vai demorar muito tempo. Não tenho expectativa que seja em breve, mas é a esperança de um começo do fim. Uma hora vai acabar, e é motivo realmente para comemorar. E as pessoas já estão comemorando, mesmo ainda não tomando a vacina”, concluiu.

Leia mais:
Minas investiga 41 casos da síndrome inflamatória infantil ligada à Covid-19
Funcionários do Hospital da Baleia começam a ser vacinados
Vacina só deve chegar a todas as cidades de Minas na sexta