Cinco bares foram interditados por desrespeitar o horário de funcionamento e seis multas aplicadas devido à falta do uso de máscaras em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, entre segunda-feira (11) e essa quinta (14).

De acordo com a prefeitura, as interdições e punições ocorreram durante a realização de 537 visitas dos agentes da Vigilância Sanitária e da Guarda Municipal a locais instalados nas regiões Central, Imbiruçu, PTB, Alterosas e Citrolândia. 

A administração municipal não divulgou detalhes sobre as abordagens. Em relação ao uso obrigatório de máscaras, a prefeitura foi procurada e informou que as multas aplicadas foram direcionadas "a estabelecimentos e a pessoas físicas".

fiscalização betim

Bares foram fechados por excederem horário de funcionamento

Restrição

Em Betim, o decreto Nº 42.451, de 6 de janeiro deste ano, proíbe a abertura de casas de shows, cinemas, teatros, museus, parques de diversão, boliches, circos, salões de dança e outros. Os comércios não essenciais podem abrir das 10h às 17h.

Além disso, bares, restaurantes e lanchonetes podem funcionar de 10h às 21h; enquanto instituições de ensino superior e de nível técnico, cursos livres, atividades esportivas e clubes recreativos podem funcionar das 9h às 21h. Por fim, shoppings, galerias e feiras shoppings estão autorizados a abrir das 11h às 21h.

Segundo a prefeitura, o cidadão pode denunciar casos de irregularidades via WhatsApp, nos números (31) 98644-7700 e (31) 99966-2480 e/ou na Ouvidoria Municipal, pelo e-mail faleouvidoria@betim.mg.gov.br ou pelos telefones (31) 3512-3453 e 3512-3454.

Leia mais:
Sete estabelecimentos são interditados devido a descumprimento de decreto em BH
Número de casos de Covid-19 confirmados em 24h é maior que a população de 456 municípios de Minas
Aeroporto Carlos Prates será desativado até 31 de dezembro