Minas Gerais registrou a primeira morte em decorrência das chuvas em 2021. O registro foi em Muriaé, na Zona da Mata, na noite desta sexta-feira (1º).

betinho muxibaBetinho Muxiba jogou em vários times da região

Roberto Carlos Barbosa, de 51 anos, o “Betinho Muxiba”, conduzia uma motocicleta em uma ponte alagada, em São João do Glória, quando foi arrastado pela enxurrada. A vítima era um ex-jogador conhecido na região. 

Bombeiros realizaram buscas pelas imediações, mas o homem foi encontrado já sem vida. O corpo estava a um quilômetro do trajeto da água, em uma área de várzea.

De acordo com a Defesa Civil Estadual, choveu muito forte na cidade. Ainda conforme o órgão, uma residência teve a estrutura comprometida e três pessoas ficaram desalojadas. 

Período chuvoso contabiliza três mortos

Até o momento, no Estado, três pessoas morreram no período chuvoso 2020-2021, iniciado em outubro passado. 

O primeiro óbito foi registrado em Carmo do Rio Claro, na região Sul. Em 25 de outubro, um jovem de 22 anos foi atingido por um raio quando tentava empurrar um carro que tinha acabado a gasolina. Ele chegou a ser socorrido em um hospital, mas não resistiu.

Já em Pedras de Maria da Cruz, no Norte de Minas, um adolescente de 17 anos foi arrastado por uma enxurrada e caiu em um bueiro. O caso foi em 19 de novembro.

Leia Mais:
BH terá sábado de céu nublado a encoberto, com possibilidade de chuva e raios
Defesa Civil alerta para risco de granizo em BH
Feriado prolongado de Réveillon deve ser chuvoso em BH; veja a previsão do tempo