Um bombeiro mineiro morreu afogado no sábado (19) ao tentar resgatar os dois filhos em um rio na cidade de Prado, na Bahia. Anderson Antônio Silva era segundo sargento do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, e estava lotado no 1º Batalhão de Belo Horizonte.

A vítima passava férias com a família no litoral baiano. Segundo militares da corporação da Bahia, os filhos de Silva estavam brincando no rio quando começaram a afogar. O militar conseguiu resgatar as crianças, mas acabou sendo levado pela correnteza.

Em nota, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, coronel Edgard Estevo da Silva, lamentou o falecimento do colega. “Estamos muito consternados com a perda de um militar tão querido. A corporação presta o apoio necessário e suas condolências à família. Pedimos à Deus que dê forças aos parentes e aos irmãos da família Bombeiro Militar”.

Leia Mais:
Nadadora paulista de 14 anos morre em decorrência da Covid-19
Minas confirma mais 132 mortes por Covid em 24h; casos confirmados passam de 497 mil
Justiça derruba liminares que permitiam consumo de bebidas alcoólicas em bares de BH