A taxa de ocupação dos leitos de UTI para pacientes com Covid-19 em Belo Horizonte voltou ao nível de alerta máximo, atingindo 70,4%, segundo o boletim epidemiológico desta sexta-feira (18). A última vez que o índice esteve em alerta vermelho foi no início de agosto.

A ocupação dos leitos de enfermaria está no nível amarelo, o que significa estado de atenção, com 62,4%. A taxa de transmissão por infectado (RT) também está em nível amarelo, registrando 1,11, o que significa que cada 100 pessoas transmitem a doença para 111. Esses números são os usados pela prefeitura para monitorar a situação do coronavírus na capital. 

Ocupação leitos covid

A capital registra 59.141 pacientes infectados desde o início da pandemia, dos quais 1.781 acabaram morrendo. É a cidade com mais casos e mais óbitos relacionados à doença no estado. 

Entre os mortos, 994 são homens e 787 mulheres, sendo que 97,2% apresentavam algum fator de risco e/ou comorbidade. Entre eles, estão 1.471 idosos (acima de 60 anos), 866 cardiopatas, 633 diabéticos, 338 pneumáticos e 282 com obesidade.

Confira no gráfico abaixo o número de casos e mortes por regional:

 

Casos de covi por regional em BH